Tecnologia do Blogger.
RSS

SAÚDE E BELEZA



Olá Meninas,

Hoje vim trazer dicas de cardápio para vocês se alimentarem melhor... rsrsrs

Café da manhã - Deve ser bem reforçado e balanceado. Com duas fontes de carboidrato, por exemplo 1 fruta mais 1 pãozinho ou 1 fruta e cereal sempre associados com uma fonte de proteína, ou seja, leite desnatado, iogurte, queijo, peito de peru, ovo.

Almoço - No almoço, o trivial: à base de bastante legumes, verduras e carboidrato. Uma dica de cardápio é comer em pequenas quantidades arroz (de preferência integral) e feijão, batata ou purê de mandioquinha e uma boa fonte de proteína, mas sempre magra, evitar gordura saturada e pesada que não faz bem e é muito calórica.

Lanches intermediários - É importante que os lanches intermediários sejam tão reforçados quanto as refeições principais, ou seja, nada de ficar só na barra de cereal ou fruta. O lanchinho também deve ter a associação de carboidrato com proteína ou alimentos que são fontes de gordura saudável, caso da castanha.

Dicas de cardápio:

- 1 fruta e 1 iogurte.

- 1 pacotinho de biscoito com um queijo magro, light.

- Iogurte desnatado com aveia no cereal ou granola light.

- Duas fatias de pão integral light, que tem poucas calorias, com peito de frango desfiado ou atum; queijo cottage e peito de peru também são opções proteicas muito leves e que dão bastante saciedade.

- Uva passa ou damasco junto com castanha, nozes ou amêndoas.

- Evitar a associação fruta seca com castanha, pois a digestão se tornará mais lenta.

Dessa maneira, a energia vai entrar mais devagar e se manter circulante mais tempo, o que ajuda a controlar o apetite e manter o corpo trabalhando, ou seja, queimando energia.

Evite sucos nos lanches intermediários

“Considero o suco como um alimento que não dá sustentação. Se compararmos o suco natural com uma fruta média, os alimentos têm basicamente a mesma quantidade de calorias. Mas, mesmo que associado a fontes de proteína, como queijo, castanha e iogurte, o suco não vai sustentar tanto quanto um alimento sólido já que a digestão vai ser muito rápida e em duas horas no máximo você já vai sentir vontade de comer novamente. Isso não deve acontecer, já que o lanche feito da maneira correta garante mais ou menos umas 3 horas até uma próxima refeição”, explica a nutricionista.

Jantar - Quanto mais próximo ao horário de dormir, menos alimentos energéticos e mais leves deve-se incluir na refeição. Porque esse é um momento em que o metabolismo está mais baixo e comer a mais atrapalha o processo de emagrecimento.

Então, se já sabe que só conseguirá jantar muito tarde, troque a comida por um lanche feito um pouco mais cedo e que contenha algum alimento energético. Se optar pela comida, jante sem carboidrato, ou seja, à base de legumes, verduras e proteínas.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

1 comentários:

manuelly reis disse...

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...